Eu e meu cão

Ir em baixo

Eu e meu cão

Mensagem por DrWho em Sab Mar 16, 2013 6:50 pm

Na verdade é uma cadela! Rsrs. Resolvi, com o incentivo da minha namorada, a contar a história de como adotei minha cadelinha.

Bom, minha namorada adora (como a maioria das mulheres) filhotes! E perto da minha casa e da casa dela existem vários Pet Shops, e alguns deles promovem feira para venda ou adoção (adoção é mais raro) e durante um final de semana percorremos algumas dessas feiras apenas para observar e brincar com um ou outro filhote.

Em um belo domingo, quase no final da tarde, resolvemos visitar uma feira maior, apenas de adoção, promovida por uma ONG. Logo que chegamos, foi o primeiro filhote que vimos, uma cadelinha SDR (sem raça definida, vulgo vira-lata... rsrs) , ela estava em uma "gaiola", a última dos irmão a serem adotados. Parecia um pouco assustada mas muito simpática e dócil. Me deu a louca, resolvi adotar, sem mais nem menos, sem planejar ou pedir o espaço aos meus pais... Para a adoção nessa ONG, é necessário uma contribuição mínima para ajudar a manter, mas nem minha namorada nem eu tínhamos 1 centavo no bolso, conversamos com o pessoal de lá e corremos para o banco mais próximo, e quando voltamos outras 3 pessoas tinham tentado adota-la (uma estava tentando na nossa frente rsrsrs).

Com ela em casa, ficamos uns 3 dias para decidir um nome, e resolvemos por Maya. Ela veio para casa em Julho, com apenas 2 meses de idade. Até os 5 meses (aproximado, não me lembro ao certo) eu deixei ela dormindo no meu quarto, onde preparei tudo para recebe-la (objetos para o alto, porta da varanda quase sempre aberta, um cantinho forrado com jornal e um saco plástico aberto por baixo para não estragar o piso, "caminha" de cachorro onde ela nunca dormiu, etc...), mas hoje ela fica no lugar preferido em toda a casa: o corredor! Temos aqui em casa um corredor lateral, do lado de fora, que percorre toda a casa (desde a garagem até a lavanderia nos fundos), e é engraçado ver como ela reclama quando preciso lavar o corredor e deixo ela no quintal ou na garagem.

Até uns 6 ou 7 meses, ela aprontou de tudo! Prendeu a cabeça na grade do corredor e foi preciso chamar os bombeiros para tira-la de lá, comeu veneno de rato que estava escondido nos fundos da casa do meu avô, estragou tudo quanto é vazo de plantas da minha mãe, arrancou o assoalho de madeira do meu quarto e comeu as farpas, e o mais engraçado é que ela é alérgica a pulgas! Hahaha. Pegou 1 única pulga na casa de praia e tivemos que procurar um veterinário, ela ficou com febre, vermelhidão em todo o corpo junto com umas "pelotinhas".

Vou colocar uma foto dela, do dia 28/07/12, quando ela chegou em casa. Hoje o pêlo dela esta muito melhor, mais firme e macio, e mais bonito também... rsrsrs. E na segunda foto ela estava com uns 5 ou 6 meses, brincando no quintal da casa do meu avô (mas já sem venenos, rsrsrs.)
avatar
DrWho
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 10
Idade : 28

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum